E floresce uma ONG

Fundado em fevereiro de 2004, fruto do envolvimento e da motivação de jovens itatinguenses com projetos educativos ambientais, o Instituto Itapoty iniciou suas atividades voltadas para a sensibilização e educação ambiental, iniciando o replantio das matas ciliares no manancial do rio novo, trabalhando na formação de grupos de jovens multiplicadores, sempre de forma lúdica e em contato com a natureza regional, propiciando a construção e aquisição de conhecimentos que os tornem seres humanos “melhores” e positivamente ativos na sociedade.

 

Linha do Tempo


Linha do Tempo

2020

NOVOS VENTOS TRAZEM MUDANÇAS

Articulação institucional e técnica juntamente com o COMDEMA para viabilizar a criação do município sustentável, Itatinga, SP.

Mudança da localização da sede do Instituto para um novo espaço mais amplo com área verde. Continuação do trabalho na Secretaria Executiva do Fórum Florestal de São Paulo (Diálogo Florestal) e realização dos 3º e 4º encontros;

Continuidade do projeto Trilhas do Cerrado com processo seletivo e contratação de um novo monitor ambiental.
2019

CUIDANDO DA NOSSA PAISAGEM

Continuidade do projeto Trilhas do Cerrado com processo seletivo e contratação de uma nova monitora ambiental;

Posse do trabalho na Secretaria Executiva do Fórum Florestal de São Paulo (Diálogo Florestal) e realização dos 1º e 2º encontros;

Início do novo Projeto Cine Sarau informando e encantando crianças da comunidade no contra turno escolar;

Plantio em áreas degradadas do município de Itatinga e região através do Projeto Gigante Guarani;

Início do novo Projeto Encantando com música ensinando crianças da comunidade a tocar violão;

Participação no Projeto educação ambiental no
Parque Linear do Rio Pardo, na cidade de Pardinho, SP. Informando a comunidade sobre a importância do recurso Hídrico.

2018

E O EMPENHO CONTINUA

Estabelecemos a parceria com a entidade “Colônia Espírita da Fraternidade” município de Avaré/SP, através do Projeto Ecocidadania.

Programa: ConsCiência-Cidadã, formado pela parceria entre o departamento de Educação do Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu e o Instituto Itapoty, com o apoio do CNPq, da FAPESP e do ICMBio, através de cursos realizados na sede do Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Av. Rotariana S/N - Teresópolis/RJ).

Continuidade do “Projeto Trilhas do Cerrado”, com a participação de 308 estudantes em parceria com a Empresa Suzano e também o atendimento de um novo público, com cerca de 60 colaboradores que prestam serviço para a empresa. Continuidade do Projeto MOSAICO EDUCO – FLORESTAL, em parceria com a ESALQ/ USP (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz.)

Participação dos conselhos municipais COMDEMA (Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente) e CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) frequentemente ativos no acompanhamento dos desafios enfrentados diariamente.

Ao final do ano em parceria com a Prefeitura Municipal de Itatinga tivemos o privilégio também de participar da "1ª Feira da Saúde" realizada pela Diretoria da Saúde do munícipio.
2017

UM MUNDO MELHOR DEPENDE DE PESSOAS MELHORES

Esse foi o coro entoado com motivação e engajamento pelos 285 jovens que participaram ativamente da 1° Conferencia Regional da Juventude pelo meio ambiente.

Continuidade do “Projeto Trilhas do Cerrado”, em parceria com a Empresa Suzano.

Audiência Pública através do Projeto “Infância e Juventude Reveladas” - apresentação dos resultados do diagnóstico Social da Infância e Juventude do município de Itatinga/SP realizado juntamente com Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente de Itatinga.

“Participação gera transformação”... Encontro Público realizado em parceria com as Prefeituras Municipal de Itatinga, Pardinho, Botucatu e Bofete, para entrega dos manifestos apresentação dos resultados da “1° Conferência da Juventude Reunida pelo Meio Ambiente” aos Órgãos Públicos das cidades participantes.

2016

ABRAÇO ECOGIGANTE

Finalização do projeto Semeando Água com a realização do Pacto para Proteção e Recuperação do Manancial de Itatinga com entrega dos mapas de adequação ambiental das propriedades;

Realização das metas: Vivências ecopedagógicas para educadores, Oficinas de Ecomotivação para jovens e a 1ª. Expedição do Atlas da Cuesta;

Continuidade do projeto Trilhas do Cerrado com nova coordenadora e monitores;

Execução do projeto “Infância e juventude reveladas” financiado pelo Conselho de Defesa da Criança e do Adolescente;

Participação no Vídeo sobre a Área Livre de Transgênico produzido pela Associação Biodinâmica;

Continuidade e finalização do trabalho na Secretaria Executiva do Fórum Florestal de São Paulo (Diálogo Florestal) e realização dos 25º, 26º, 27º e 28º Encontros;

Trabalho no processo de contratação do Projeto Gigante Guarani com visita técnica da equipe BNDES;

Articulação institucional e técnica para viabilizar a criação da AGÊNCIA GUARDIÃ DA RECARGA DO AQUIFERO GUARANI.
2015

CELEBRANDO A ECOMOTIVAÇÃO

Revitalização com planejamento baseado em Dragon Dream;

Tem início do Projeto “Atlas da Cuesta” – Fase II;

Celebração de 11 Anos da Itapoty;

Participação no Grupo Técnico Multidisciplinar Agroquímicos e Transgênicos APA Botucatu;

Finalização do Projeto Cuesta Guarani, produção e distribuição do I Livreto da Ecologia Rural;

Continuidade de ações do Programa Nós e o mico leão este ano em Borebi, SP e publicação do artigo: NEW RECORDS, RECONFIRMED SITES AND PROPOSALS FOR THE CONSERVATION OF BLACK LION TAMARIN (LEONTOPITHECUS CHRYSOPYGUS) IN THE MIDDLE AND UPPER PARANAPANEMA;

Continuidade da Secretaria Executiva do Fórum Florestal Paulista (Diálogo Florestal) e realização dos 22º, 23º 24º Encontros

Elaboração e apresentação do Projeto Gigante Guarani ao edital do BNDES Restauração da Mata Atlântica em parceria com o Instituto Giramundo Mutuando e FEPAF aprovado para 2ª etapa de análise técnico jurídica.
2014

NA APA PODE!! PODE SER QUE NÃO?” (rs rs rs) / O DESAFIO da SUSTENTABILIDADE REGIONAL

Realização do projeto “Censo do Mico-leão-preto Leontopithecus chrysopygus na Estação Ecológica de Angatuba (SP) agregado a educação ambiental” no contexto do programa “Nós e o mico-leão” patrocinado pela Fundação Grupo O Boticário de Conservação da Natureza e em parceria com o Instituto Florestal;

Continuidade da Secretaria Executiva do Fórum Florestal Paulista (Diálogo Florestal) e realiza o 19º, 20º 21º Encontros e reeleição para o biênio 2015-2016.

Continuidade do projeto Trilhas do Cerrado;

Participação na reunião do CONSEMA que aprovou o Plano de Manejo da APA Botucatu

Aprovação do projeto Atlas da Cuesta – Fase II, pelo Fundo de Defesa dos Direitos Difusos.
2013

PUXANDO O RABO DA CONSERVAÇÃO

Itapoty assume a Secretaria Executiva do Fórum Florestal Paulista (Diálogo Florestal) e realiza o 16º, 17º 18º Encontros.

Tem início o Projeto “Nós e o Mico-Leão – no caminho da conservação” elaborado no contexto do Curso de Capacitação em Mobilização de Recursos para o Plano de Ação Nacional dos Mamíferos da Mata Atlântica Central (PAN-MAMAC)

Associação ao FSC-Brasil

Continuidade do projeto Trilhas do Cerrado com nova seleção e capacitação de monitores;
2012

ATLAS NA MÃO...DIÁLOGO EM CONSTRUÇÃO

Continuidade do projeto Trilhas do Cerrado com participação e apresentação do projeto no Fórum Brasileiro de Educação Ambiental em Salvador/BA;

Novos Associados e Diretoria

Publicação e Lançamento do Atlas da Cuesta;

Itapoty é eleita como Secretaria Executiva do Fórum Florestal de São Paulo (Diálogo Florestal).

2011

A TERRA É NOSSA MÃE

Tem início os projetos Semeando Água e Cuesta Guarani, ambos frutos do Programa Gigante Guarani, financiados pelo FEHIDRO.

Continuidade do Trilhas do Cerrado e início do projeto Ecomotivação com estudantes de Angatuba e Itatinga com financiamento da Suzano Papel e Celulose - https://ecomotivacao.wordpress.com;

Continuidade do Jardineiros Florestais (novos parceiros CMDCA - Conselho Municipal de Defesa da Criança e do Adolescente e empresa Ellenco) com ações em praças, matas ciliares, áreas verdes, ações com as famílias, desenvolvimento de atividades educativas e culturais;

Realização da I Reunião Pública;

Participação no Fórum sobre o Programa de Pagamentos pro Serviços Ambientais do Alto Pardo e formação da Comissão do PPSA-Alto Pardo;

Realização do Suando na Cuesta II e III (Sauna Sagrada – celebração indígena para purificação do corpo físico e espiritual, através da reconexão com as energias curativas da Terra Mãe);

Continuidade na participação do Diálogo Florestal através do Fórum Florestal de São Paulo.
2010

PELO BEM DA NOSSA CUESTA

Devido à sua atuação, foi declarada como instituição de “UTILIDADE PÚBLICA MUNICIPAL”, pela Lei nº 1.750 de junho de 2010. ;

Tem início o Projeto Atlas da Cuesta – Fase I com financiamento do Fundo de Defesa dos Direitos Difusos (FDD).

Continuidade do Projeto Jardineiros Florestais (financiamento da SABESP) com ações em praças (destacamos a inauguração da Praça da Amizade), matas ciliares, atendimento psicossocial dos jovens e famílias, participação em campanha educativa e excursão cultural e de laser para São Paulo e Santos.

Continuidade do projeto Trilhas do Cerrado com a realização de nova capacitação e seleção de estagiários.

Continuidade na participação do Diálogo Florestal através do Fórum Florestal de São Paulo.
2009

JARDINEIROS EM AÇÃO

Lançamento do projeto Jardineiros Florestais com financiamento da Suzano Papel e Celulose e outros parceiros locais;

Continuidade do Trilhas do Cerrado;

Elaboração dos projetos Semeando Água, Cuesta Guarani e Atlas da Cuesta e envio para os editais do FEHIDRO e FDD;

Continuidade na participação do Diálogo Florestal através do Fórum Florestal de São Paulo.
2008

MÃOS NA MASSA...MÃOS NA TERRA

É realizada a 1ª Conferência Municipal do Meio Ambiente.

Início dos trabalhos para implantação da Praça da Amizade, com ajuda de parceiros (destacamos a participação de jovens vindos do Japão – pela Organização Espiritual Shumei), estudantes e moradores da região;

Continuidade do Trilhas do Cerrado com visita ao Parque das Neblinas;

Ações de plantio de árvores na represa de abastecimento de água com a LEMI (Legião Mirim);

Realização de palestras do projeto Lição de Casa, na qual itatinguenses inspiradores trocam conhecimento com jovens estudantes sobre a história de suas vidas;

Continua participando da Rede Ecótono da Cuesta sendo uma das lideranças na elaboração em conjunto com outras instituições e proposição do projeto Gigante Guarani para o edital do Programa Petrobrás Ambiental inicia a participação no Diálogo Florestal através do Fórum Florestal de São Paulo;
2007

VAMOS DE MÃOS DADAS

Passamos por um intenso processo de revitalização, com o status de Instituto Itapoty – Desenvolvimento Humano e Conservação Ambiental, formamos uma nova diretoria e uma boa equipe técnica. Iniciamos projetos, consolidando parcerias e participando em redes de instituições e órgãos colegiados, ampliando a contribuição para a sustentabilidade regional. Importantes ações realizadas:

Participa da realização do Fórum Regional sobre Queimadas.

Fomenta a criação da Diretoria do Meio Ambiente, do Fundo Municipal de Meio Ambiente e do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente.

Inicia parceria com a empresa Suzano Papel e Celulose para realização do projeto Trilhas do Cerrado.

Participa e ajuda a fundar a Rede Ecótono da Cuesta elaborando em conjunto com outras instituições da região o Programa Gigante Guarani
2004

NASCE ECOLÓGICA FLOR

Da continuidade do projeto “Semeando Um Mundo Novo” vem a ideia da criação de uma ONG, que possibilitasse a captação de recursos financeiros e fortalecesse a ampliação das ações e dos projetos... surge a Associação Itapoty. Foram muitos desafios no começo até que a ONG realmente conseguisse desenvolver ações e projetos, mantendo os plantios de recomposição de matas ciliares e os trabalhos educativos ambientais com jovens e crianças.
2000 - 2003

JOVENS SEMEANDO ... CUIDANDO... PLANTANDO

Um grupo de jovens de Itatinga sonhou em melhorar o mundo...e com dedicação e entusiasmo começaram a empreitada trabalhando de forma lúdica, ecológica e amorosa com crianças, levando-as para aulas práticas ao ar livre, falando sobre a importância da conservação dos recursos hídricos, da recomposição de matas-ciliares e plantando muitas árvores. Surgiu o projeto “Semeando Um Mundo Novo” que iniciou a recuperação do manancial de Itatinga, associando a conscientização da profunda ligação e interação positiva entre o ser humano e a natureza.

E a história continua...

Parceiros

  • 0_logo_laboratorio_conservacao_natureza.jpg
  • 1_logo_fepaf.jpg
  • 2_logo_fca.jpg
  • 3_logo_unesp_rioclaro.jpg
  • 4_apa_botucatu.jpg
  • 5_logo_fundacao_florestal.jpg
  • abd.jpg
  • associacao-biodinamica.jpg
  • clube_fm.jpg
  • cnpq.jpg
  • conselhofederal.jpg
  • ecocuestra.jpg
  • ecotore.jpg
  • eucatex.jpg
  • fapesp.jpg
  • fca.jpg
  • GEDAIM_USP.jpg
  • giramundo-mutuando.jpg
  • giramundo.jpg
  • governosp.jpg